segunda-feira, 1 de junho de 2015

Os polícias

O tema nacional de há uns tempos para cá tem sido a maneira como os polícias têm liberdade para fazer o que quiserem e acabando sempre por abusar do poder que têm. 

Este sábado vou a sair do Bairro Alto (Lisboa) às duas da manhã e  vejo dois policias daqueles do tipo armário a dar duas pancadas com cassetete num rapaz de raça negra e a encosta-lo na parede. O rapaz não se mexeu e só disse qualquer coisa que não consegui ouvir pois não me aproximei, os policias deram-lhe mais duas pancadas na cabeça e por fim uma estalada que o deixou praticamente no chão e logo a seguir deixaram o rapaz e foram-se embora.

Não faço ideia do que é que o rapaz fez mas se fez alguma coisa de mal que se considere qualquer crime, os policias só tinham de o prender e levar para a esquadra, a partir do momento que só o espancaram e foram-se embora, os criminosos ali foram somente os policias. 


Começo realmente a não saber se haverei de me sentir seguro ou não quando tiver um policia perto de mim. 

7 comentários:

N a m o r a d o disse...

Realmente...

Marisa Maria disse...

mas quem é que forma esta gente?!

Rita disse...

Por causa de presenciar uma situação dessas, também no BA, tive de ir prestar declarações. Fui feita parva ajudar o que estava a levar na tromba, chamei o INEM (o rapaz ficou mesmo mal) e eu é que fui passear até à esquadra. Mas fiquei tranquila comigo própria (ou ainda me ando a convencer disso! ahah).

faa m. disse...

@N a m o r a d o
é uma chatice.

@Marisa Maria
não faço ideia.. mas eu acho que não deve ser culpa de quem as forma, estes policias são simplesmente más pessoas mas com poder.

@Rita
txi, o rapaz que levou na tromba mereceu ou nem por isso ? :s

Marisa Maria disse...

então talvez devêssemos pensar antes quem avalia essa gente para eles passarem nos testes a nível psicológico...

Rita disse...

Não sei o que ele disse mas por muito que tenha sido incorrecto, pagou demasiado caro. E eu devia ter levado com um gato morto na cabeça até ele miar, assim não me tinha metido na confusão! Enfim! =P

faa m. disse...

@Marisa Maria
sim, concordo com isso, é preciso fazer alguma coisa senão isto fica fora de controlo.

@Rita
pois, o meu amigo tb disse para ir lá falar com o rapaz mas não quis entrar na confusão :s