domingo, 17 de março de 2013

Concerto #8

Ontem foi a noite de Beach House no TMN ao Vivo, foi um bom concerto mas nada de outro mundo.

A sala era muito pequena então fazia com que o espectáculo parecesse muito intimista mas acho que a banda não soube aproveitar isso.

Seguindo a minha tradição, fui para o lado esquerdo do palco e ao meu lado ficou um grupo de crianças, para mim não passavam disso. Então durante o concerto de abertura, passaram o espectáculo todo a jogar telemóvel, o joguinho até parecia ter a sua piada mas vá lá, estamos a ver um concerto que no qual pagamos (ou os pais deles).
Mas tudo mudou quando entraram os Beach House, aí mudaram de postura para a "sou fã de Justin Bieber e vou largar o meu histerismo". Ao fim de três músicas tive de dizer para um amigo meu algo como "yeeey, tenho 16 anos!", o rapaz ouviu e a conversa comigo foi a seguinte:

Rapaz: Por acaso tenho 21 e estou no quarto ano de medicina!
Eu: Onde?
Rapaz: Aqui em Lisboa.
Eu: Não é isso, é onde é que está a pergunta.

Tipo? Uma coisa é ser-se parvo, outra é ser-se infantil. É certo que a partir daqui já se conseguiu apreciar o concerto sem berros histéricos.

Quanto ao concerto em si, tenho que admitir, eu já ouço esta banda à praí um ano mas nunca me dei ao trabalho de ver quem eram os músicos, não sabia se eram 2 ou 5, se eram novos ou velhos, grandes ou pequenos nem se eram homens ou mulheres mas sempre pensei que era um vocalista e lá descobri que é uma vocalista. Está fixe!
São muito idênticos ao vivo do que são em estúdio, até demais, gosto quando há algum tipo de improviso e variação, caso contrário faz com que o concerto seja um pouco sem sal. E interacção com o publico foi nula. As vezes parecia que a voz lhe faltava, principalmente no início mas depois com o decorrer do concerto, a voz aqueceu e ficou bastante melhor.

7 comentários:

Namorado disse...

LOL Que conversa surreal LOLOLOL

Maria disse...

vi-os o ano passado ::)

Penmumbra disse...

Eu vejo pelas minhas colegas, que infelizmente a minha geração anda mentalmente a crescer pouco... No 3º ano de faculdade, sinto-me como se estivesse no secundário a alguns niveis.

Rafael Alves disse...

Crianças, pá! Tu ainda és pior que eles. :P

faa m. disse...

@Namorado
É o normal :)

@Maria
E que achaste quando viste?

@Penmumbra
Pois lool, este aqui provou o mesmo ao tentar mostrar-se crescido só porque está no quarto ano de medicina lool "eu é que sou".

@Rafael Alves
Sabes como é, deixo-me influenciar xD

c. disse...

só porque estão no curso de medicina já são pessoas de gabarito. ai estou em medicina é cena tão tão tão... odeio medicos e tenho de trabalhar com eles, irra!

faa m. disse...

Podes querer, logo armado em superior "ai e tal vou ser médico".